Voltar a todos os posts

A Assembleia de Deus em Resende Costa

13 de Abril de 2017, por Rosalvo

A Assembleia de Deus chegou ao Brasil por intermédio dos missionários suecos Gunnar Vingren e Daniel Berg, que aportaram em Belém, capital do Estado do Pará, em 19 de novembro de 1910, vindos dos Estados Unidos. A princípio, frequentaram a Igreja Batista, denominação a que ambos pertenciam na Suécia. Eles traziam a doutrina do batismo no Espírito Santo, com a glossolalia — o falar em línguas espirituais — como a evidência inicial da manifestação para os adeptos do movimento. A manifestação do fenômeno já vinha ocorrendo em várias reuniões de oração nos Estados Unidos (e também de forma isolada em outros países), principalmente naquelas que eram conduzidas por Charles Fox Parham, mas teve seu apogeu inicial através de um de seus principais discípulos, um pastor leigo negro, chamado William Joseph Seymour, na rua Azusa, Los Angeles, em 1906. 

A nova doutrina trouxe muita divergência. Enquanto um grupo aderiu, outro rejeitou. Assim, em duas assembleias distintas, conforme relatam as atas das sessões, os adeptos do pentecostalismo foram desligados e, em 18 de junho de 1911, juntamente com os missionários estrangeiros, fundaram uma nova igreja e adotaram o nome de Missão de Fé Apostólica, que já era empregado pelo movimento de Los Angeles, mas sem qualquer vínculo administrativo com William Joseph Seymour. A partir de então, passaram a reunir-se na casa de Celina de Albuquerque. Mais tarde, em 18 de Janeiro de 1918 a nova igreja, por sugestão de Gunnar Vingren, passou a chamar-se Assembleia de Deus, em virtude da fundação das Assembleias de Deus nos Estados Unidos, em 1914 em Hot Springs, Arkansas, mas, outra vez, sem qualquer ligação institucional entre ambas as igrejas.

A Assembleia de Deus é uma igreja cristã protestante, sendo a maior denominação protestante e pentecostal no Brasil e no mundo, contabilizando mais de 66 milhões de membros. Seu caráter histórico descentralizado permite a existência de diversas convenções sob o nome de "Assembleia de Deus". No Brasil o presidente nacional é o Pastor José Wellington Bezerra da Costa, pela CGADB, o bispo Manoel Ferreira pela CONAMAD, entre outros líderes de convenções em âmbito nacional.

As Assembleias surgiram simultaneamente no Brasil (1911) e nos Estados Unidos (1914), se unindo por meio da Associação Mundial da Assembleia de Deus na década de 80 de forma autônoma e independente, e ligadas pela história e pelas crenças expostas na Declaração de Verdades Fundamentais das Assembleias de Deus. Como uma Igreja Pentecostal, as Assembleias de Deus acreditam no batismo por meio do Espírito Santo, evidenciado por meio do falar em línguas; no arrebatamento da Igreja por Cristo e na doutrina da Santa Trindade.

Sua expansão pelo mundo se deu por meio de um forte trabalho missionário, enfatizado pela organização como meio eficaz da pregação do Evangelho e para a expansão do Reino de Deus no mundo.

A Assembleia de Deus em Resende Costa teve seu inicio no dia 22 de agosto de 1982, quando chegou enviado pelo ministério de Caratinga (MG) o pastor Onofre Ferreira da Silva, juntamente com sua esposa Silvia Passos de Godoi Silva e dois filhos, trazendo para a cidade de Resende Costa não uma religião, mas as boas novas do evangelho do Senhor Jesus Cristo.

Tendo início da pregação do evangelho em uma residência situada na Rua Sete de Setembro, depois o pastor Onofre entrou em contato com o Sr. Antônio Marcos de Sousa Melo (o Pituca), onde nos foi alugado um salão na Praça dom Lara. Lá continuou a pregação do evangelho e as primeiras conversões de pessoas a Cristo. Ao lado do salão havia um bar no qual algumas pessoas alcoólatras perturbavam bastante os trabalhos da igreja mas, graças a Deus, muitos deles que zombavam hoje se converteram ao evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo. Houve um tempo em que o pastor Onofre pensou em regressar a Caratinga, devido a muitas perseguições diretas e indiretas. Chegou a escrever uma carta ao pastor-presidente Ari Ferreira Coelho pedindo seu retorno, quando chegou no salão da igreja em Resende Costa um casal de irmãos da Assembleia que ele não conhecia. Ambos eram da cidade de São Paulo.

Quando o casal estava no culto, Deus, através do Espírito Santo e por meio da esposa daquele irmão, em profecia, disse ao pastor Onofre que não era o tempo de sair da cidade. E mais, a profecia dizia que Deus iria fazer uma grande obra através de suas vidas e que, de longe, veriam a obra que Deus ia fazer, congregando mais cooperadores para sua obra. Essa profecia, que hoje o pastor Onofre tem visto cumprir, o trabalho se estendeu aos povoados do Barracão, Floresta e Ribeirão e no ano de 1984 foi realizado o primeiro batismo em águas na cidade de Resende Costa.

O pastor Onofre permaneceu na cidade de Resende Costa até o ano de 1988, quando comprou um lote na Rua das Flores, 119, Bairro Jardim, para a construção do templo da Assembleia.

Tendo o pastor Onofre se mudado para a cidade de São Tiago, ficou como pastor em Resende Costa o Sr. Teodosio Veloso, o qual iniciou a construção do templo.

São os seguintes os pastores que se sucederam ao pastor Teodosio: José Eduardo de Matos, Onofre Vicente Machado, Luiz Alberto Schirme (também missionário na Ucrânia), José Carlos Felipe (também missionário na Índia e hoje em Portugal), Miguel Coronel, Oziel, Exéquias Veloso, João Carlos, Leonardo Mendes e, atualmente, o pastor Carlos Vieira Teixeira, filho do senhor Juscelino José Teixeira Neto, conhecido como “Tino do Barracão”.

E assim cresce a igreja ASSEMBLEIA DE DEUS em Resende Costa, com o objetivo de levar o amor de Deus aos corações de todos.

*Pastor Carlos Vieira Teixeira - Colaboração especial nesta edição do Jornal das Lajes

Deixe um comentário

Faça o login e deixe seu comentário